Quantcast
Beto Albuquerque, do PSB, compara Bolsonaro a Hitler e vê Leite muito igual a Doria - Mundo News Web Interstitial Ad Example
19 de Agosto, 2022

Mundo News

Seu Mundo! Suas Notícias!

Beto Albuquerque, do PSB, compara Bolsonaro a Hitler e vê Leite muito igual a Doria

3 min read
...

PORTO ALEGRE, RS (FOLHAPRESS) – Questionado sobre a possibilidade de golpe de estado em caso de reeleição de Jair Bolsonaro (PL), Beto Albuquerque (PSB) relembrou o regime nazista. Ao falar sobre alianças, ofereceu apoio ao PT em 2026 caso o partido aceite indicar seu vice nestas eleições, não concorrendo à reeleição.

As declarações foram feitas nesta quarta-feira (15) durante a sabatina Folha de S.Paulo/UOL com pré-candidatos ao governo do Rio Grande do Sul.

O pré-candidato do PSB analisou a hipótese de Bolsonaro tentar um golpe. Embora acredite que não haja condições institucionais ou socioeconômica da manobra se tornar realidade caso o presidente perca as eleições, na visão de Beto a probabilidade cresce caso Bolsonaro se reeleja.

“Hitler só promoveu o holocausto depois da reeleição. E apesar de estarmos pagando quase R$ 7 a gasolina, ele [Bolsonaro] tem adeptos.”

Beto está no centro do impasse em torno das candidaturas de esquerda no Rio Grande do Sul.

Descontente com o avanço da campanha do pré-candidato do PT, Edegar Pretto, Beto não compareceu aos eventos realizados com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Rio Grande do Sul, no início do mês.

Chegou a declarar que apoiaria Ciro Gomes (PDT) à Presidêncida da República, mas foi advertido pela presidência do seu partido, que ameaçou com um corte do fundo partidário.

Nesta quarta-feira (15), o PSB se reúne novamente com PT, PV e PCdoB para tentar mais uma vez um acordo por uma candidatura única do bloco, mas Beto insiste ser o melhor nome para encabeçá-la:

“Achamos [no PSB] que temos o melhor perfil para ajudar a chapa Lula e Alckmin no Rio Grande do Sul. Quem tem mais condições de dialogar com o centro democrático. Para derrotar o bolsonarismo, é para isso é preciso ter um candidato com perfil, com história. Fiz 1,7 milhão de votos ao Senado. Quem tem um perfil maior do que o meu”, declara Beto.

Para chegar a um ponto de equilíbrio, Beto deseja convencer o Manuela D’Ávila (PCdoB) a concorrer ao Senado e oferece o cargo de vice a Pretto em troca da apoiá-lo na eleição seguinte, com a chapa com os nomes invertidos.

Prometendo não concorrer à reeleição, faz críticas a Eduardo Leite (PSDB), que retornou à disputa nessa semana.

“Diferentemente do Eduardo Leite, eu tenho palavra. Não vou concorrer à reeleição. Ele deixou claro que o Rio Grande do Sul é segundo plano para ele. Vai querer voltar para renunciar de novo. Essa decisão deixou Eduardo Leite muito igual a [João] Doria”, compara.

Beto é advogado, natural de Passo Fundo (RS). Aos 59 anos, foi eleito deputado federal por quatro anos consecutivos.

Está sem cargo eletivo desde o final de 2014, quando desistiu da candidatura a senador pelo Rio Grande do Sul para ser candidato a vice-presidente na chapa de Marina Silva (Rede, então no PSB) após a morte de Eduardo Campos em um acidente aéreo.

Em 2018, tentou novamente uma das duas vagas ao Senado, mas ficou em terceiro lugar. Neste ano, ele reluta em tentar novamente uma candidatura ao cargo na chapa com o PT.

Beto foi o quarto pré-candidato ao Governo do RS entrevistado da série de sabatinas promovida pela Folha de S.Paulo e pelo UOL. Antes dele, Edegar Pretto (PT), Vieira da Cunha (PDT) e Luis Carlos Heinze (PP) foram entrevistados.

Na quarta-feira (15), as sabatinas seguem com a participações do deputado estadual Gabriel Souza (MDB), às 16h. Na segunda-feira (20), fecham a série o ex-ministro e deputado federal Onyx Lorenzoni (PL), às 10h, e o ex-governador Eduardo Leite (PSDB), às 16h.

A sabatina foi conduzida pelo colunista do UOL Kennedy Alencar e pelos jornalistas Tales Faria, do UOL, e Alexa Salomão, da Folha de S.Paulo.

Fonte: https://br.noticias.yahoo.com/beto-albuquerque-psb-compara-bolsonaro-142400347.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.