Quantcast
Jorge Jesus 600: Leal augurava «carreira de sucesso» a Jesus desde Felgueiras - Mundo News Web Interstitial Ad Example
5 de Dezembro, 2021

Mundo News

Seu Mundo! Suas Notícias!

Jorge Jesus 600: Leal augurava «carreira de sucesso» a Jesus desde Felgueiras

3 min read
O ex-futebolista Leal disse que o treinador Jorge Jesus, prestes a cumprir o jogo 600 na I Liga portuguesa de futebol, mostrou capacidade para ter “uma...

O perito do Benfica vai abarbar o algarismo ‘rotundo’ no sábado, na visitante ao abrigo do Belenenses SAD, para a 12.ª caminhada do campeonato, em seguida único transcurso no escalão forçoso que arrancou com o repto entre o Felgueiras e o Desportivo de Chaves (2-2), em 20 de agosto de 1995, com Fiel a delimitar o à frente golada de uma equipa de Jesus na competição maior do futebol vernáculo.

Ajustado no estio de 1995 ao Belenenses, sociedade em que teve salários em retardamento, faceta aos “problemas financeiros”, o avoengo lateral esquerdino, internacional lusitano em 15 ocasiões, recorda que Jorge Jesus “queria bem trabucar” consigo, tendo-se descoberto uma “alvoroço bem deleitável”.

Começou a curso a carpo, em equipas menos conhecidas [Amora], que lhe foram dando traquejo. Deu para testemunhar que estava além único espaçoso treinador. Tramite-se perfeitamente entre quem trabalhava com ele que iria possuir uma curso de vitória porquê treinador”, disse à Lusa o ex-atleta, que se notabilizou velo Sporting, entre 1989 e 1994, e velo Estrela da Amadora, entre 1996 e 2000.

Segundo Fiel, o treinador que conduzira o Felgueiras a uma comparecimento inédita na I Fusão, em 1995/96, mostrou-se “perfeccionista” portanto na pré-época, exigindo que os jogadores “dessem o supremo” e “cumprissem na íntegra” aquilo que pretendia.

Ficávamos maravilhados com os treinos dele, porque estação bem ‘picuinhas’. Jamais tinha tido até ao instante único treinador assim e já tinha pretérito por grandes treinadores. Enquanto os jogadores nunca fizessem aquilo que pretendia, estação bem rente”, descreveu.

Excepto andejar “incessantemente em cume dos jogadores”, a tentar “sacar o supremo dividido das capacidades”, Jorge Jesus igualmente queria somente jogadores que se adaptavam ao seu “maneira de jogo”, assentado num amostra de três defesas centrais, com Fiel a conquistar a acomodação mais à esquerda.

Na fundura, ‘bebia’ bem do FC Barcelona. Continuamente foi a equipa ‘fetiche’ do Jorge Jesus. Ou por outra, ele até fez único tirocínio no FC Barcelona. E, na fundura, o FC Barcelona jogava com três centrais”, lembra.

Utilizado em 34 jogos oficiais na equipa felgueirense que se quedou pela 16.ª acomodação, descendo à II Fusão, o futebolista cumpriu 51 jogos nas duas temporadas em que jogou no Estrela da Amadora (1998/99 e 1999/00) por baixo de o comando de único perito que se manteve “zeloso no exercício de prado”.

Agradecido por Jorge Jesus possuir aproveitado as suas “qualidades”, Fiel vincou que o atual treinador do Benfica foi único dos dois em Portugal que “mais revolucionou o futebol nas últimas décadas”, a casal de José Mourinho.

Mourinho marcou uma criação de treinadores e Jorge Jesus igualmente. Foram os dois grandes treinadores das últimas décadas, que revolucionaram um tanto o futebol. Toda a gente queria ir testemunhar treinos do Jorge Jesus. Às vezes, as bancadas dos nossos treinos tinham treinadores de [campeonatos] distritais e nacionais a observarem. Hoje, está entre os melhores treinadores do globo”, defendeu.

Internacional por Portugal entre 1990 e 1992, o ex-jogador realçou que o futebol mudou “bastante” faceta aos períodos em que foi exercitado por Jorge Jesus, já que o crescente algarismo de jogos dá “menos período para se exercer”.

Uma vez que nunca há período para exercer, se calhar o fator motivacional põe-se um tanto primeiro do exercício tático propriamente provérbio. As equipas nunca têm bem período para exercer e o futebol mudou, porém o Jorge Jesus nunca deixa de ser único espaçoso treinador. É único espaçoso treinador”, vincou.

Fiel enalteceu ainda o tratamento de Jorge Jesus para com os jogadores dos plantéis que integrou, já que, apesar de se abarcar com frequência em discussões e de ser “único fatia ofensivo”, jamais castigou nenhum desportista por reagir às suas exigências.

Cada jogador tem o seu jaez e, às vezes, havia discussões entre nós, jogadores, e o Jorge Jesus. Às vezes, há momentos em que a gente se exalta, e ele teve incessantemente a compreensão de jamais reprimir único jogador por possuir tido uma abordagem menos correta”, observou.

Programa da caminhada:

Sexta-feira, 26 de Novembro de 2021

Moreirense – Gil Vicente, 20:15

Sábado, 27 de Novembro de 2021

Famalicão – Portimonense, 15:30

Arouca – Boavista, 18:00

B SAD – Benfica, 20:30

Domingo, 28 de Novembro de 2021

Marinho – Paços Ferreira, 15:30

Sporting – Tondela, 18:00

FC Porto – V. Guimarães, 20:30

Segunda-feira, 29 de Novembro de 2021

Estoril – Santa Clara, 20:15

Terça-feira, 30 de Novembro de 2021

Sp. Braga – Vizela, 20:15

Nascente: https://www.futebol365.pt/cláusula/271817-jorge-jesus-600-leal-augurava-carreira-de-sucesso-a-jesus-desde-felgueiras/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.