Quantcast
Jorge Jesus: «A sétima vitória faz parte daquilo que andamos à procura» - Mundo News Web Interstitial Ad Example
23 de Outubro, 2021

Mundo News

Seu Mundo! Suas Notícias!

Jorge Jesus: «A sétima vitória faz parte daquilo que andamos à procura»

2 min read
Declarações de Jorge Jesus, treinador do Benfica, após o Vitória de Guimarães – Benfica (1-3), jogo da sétima jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado...

Declarações de Jorge Jesus, treinador do Benfica, posteriormente o Triunfo de Guimarães – Benfica (1-3), jogo da sétima passeio da I Amálgama portuguesa de futebol, disputado no Arena D. Afonso Henriques, em Guimarães.

“Tínhamos a conceito de que oriente jogo em Guimarães estação árduo. Sabíamos que o [Vitória de] Guimarães tinha uma equipa bravo organizada, com bons jogadores, com único público enamorado, que acredita que a equipa pode conceder incessantemente a rodeio. O Benfica fez uma primeira secção de muita inclinação, com dois golos, e poderia possuir confinante ao distância a lucrar por 3-0 ou 4-0. O [Vitória de] Guimarães jamais teve suposição. O Benfica teve incessantemente globo e muita originalidade restrito e coletiva. Jogámos bem na primeira secção.

Na segunda secção, o jogo ficou quebrado. O Benfica já jamais foi aquela equipa tanto bravo posicionada, tanto criativa e tanto bravo posicionada taticamente porquê na primeira secção. Começou a desmerecer referências posicionais tão com globo, porquê sem globo. O Guimarães reequilibrou o jogo, porém sem nos imaginar grandes problemas em termos de determinação e de finalização. O 3-1 deu alguma esperança aos jogadores e aos adeptos de entrarem no jogo.

Com o 3-0, o treinador começou a raciocinar nalgumas substituições para jamais possuir jogadores tanto fatigados na quarta-feira [frente ao Barcelona, para a Liga dos Campeões]. As substituições jamais conseguiram cativar a mesma grau de jogo que a equipa vinha a possuir. Os adeptos do Benfica estiveram em minoria, porém presentes, a apoiar-nos e a incentivar-nos. Desde actualmente, é raciocinar no vizinho jogo, para a ‘Champions’.

A sétima sucesso faz secção daquilo que andamos à busca. Tínhamos único jogo árduo. Jamais se pode desvalorizar os jogadores do Guimarães, que são tecnicamente evoluídos. Sabíamos que se jamais estivéssemos bravo taticamente em termos defensivos, poderíamos ser surpreendidos. Jamais permitimos isso.

A respeito de essa narrativa do Darwin [que respeita a um alegado desentendimento entre o jogador e o treinador, aos 63 minutos], parece que o colóquio entre jogadores e treinadores é uma estado à excepção de do corriqueiro. O treinador tem de conceder ordens aos jogadores, quando acha que jamais fez tanto bravo a jogada. Às vezes, o jogador acha que jamais fez tanto enfermidade a jogada e responde.

Jamais escalei a equipa a raciocinar no jogo de quarta-feira. O [Valentino] Leproso esteve bravo [na estreia absoluta pelo Benfica], porém com alguma complicação nos últimos 10 a 15 minutos, fisicamente. Gostei do jogo dele.

O Benfica tem único lote de jogadores bem aproximados [a propósito de menor utilização de Pizzi]. Tem praticamente duas ou três opções por adaptação, sem arriar bem a sua inclinação”.

Manadeira: https://www.futebol365.pt/item/268126-jorge-jesus-a-setima-vitoria-faz-parte-daquilo-que-andamos-a-procura/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.