Quantcast
Rapaz adotado corta grama para ajudar pai a pagar processo de adoção - Mundo News Web Interstitial Ad Example
11 de Agosto, 2022

Mundo News

Seu Mundo! Suas Notícias!

Rapaz adotado corta grama para ajudar pai a pagar processo de adoção

3 min read
Sabe a gratidão? É uma mistura de agradecimento e amor que o Tyce Pender, de 14 anos, tem pelo pai que o adotou. E veja o que...

Sabe a gratidão? É uma mistura de agradecimento e amor que o Tyce Pender, de 14 anos, tem pelo pai que o adotou. E veja o que ele está fazendo para ajudar o papai a pagar as taxas legais do processo de adoção dele e do irmão mais velho!

O rapaz começou a trabalhar cortando grama dos vizinhos e agora conseguiu licença para abrir uma empresa de jardinagem!

“Ele tem sido uma figura paterna para mim desde que eu tinha 2 anos”, disse Tyce. “Ele sempre esteve lá por nós e me ajuda com qualquer coisa que eu preciso, como lição de casa”, contou o adolescente.

Taxas caras para adoção

A família até conseguiu um advogado pro bono, para ajudar na adoção, mas as taxas legais do processo são muito altas e fogem das condições financeiras da família.

Foi quando o adolescente teve a ideia de começar a trabalhar para guardar dinheiro. Ele começou aos poucos e agora está faturando bastante, abriu a própria empresa e garante que descobriu uma aptidão que quer levar para o resto da vida!

Figura paterna

Eric Jankins, de 36 anos, começou a namorar Marcy, mãe do jovem, em 2010. Quatro ano depois eles se casaram e Tyce conta que não consegue mais imaginar um dia vivendo longe do padrasto.

Eric queria muito adotar Tyce e outro enteado, Tylee, de 15 anos, mas esbarrava nas taxas do processo de adoção, que são bem caras nos Estados Unidos.

Agora que a família conseguiu, o garoto só tem gratidão.

“Isso é importante porque Eric me ensina respeito, independência e o que um homem deve ser […] Se alguma coisa acontecer com minha mãe, Eric é com quem eu gostaria de viver”, disse o jovem.

Como começou o negócio

Foi conhecendo as dificuldades da família que Tyce decidiu que ajudaria de alguma forma.

“O corte [de grama] é caro […] Achei que poderia ganhar dinheiro suficiente para pagar a adoção”, contou.

E a ideia veio do irmão dele, Jayden, de 21 anos, que cortava grama quando criança para ganhar dinheiro no verão.

Ele então pediu um cortador de presente para a mãe e começou a oferecer os serviços no Facebook.

Ofereceu o serviço pela internet

“Oi, meu nome é Tyce. Tenho 14 anos e hoje minha mãe me deu um empréstimo comercial e consegui comprar um cortador de grama recarregável”, escreveu ele em um post.

“Tenho óculos de segurança e luvas e espero encontrar alguns metros [de grama] para cortar e talvez até mantê-los. Vou à escola durante a semana e estou disponível algumas tardes e o dia todo aos sábados e domingos.”

E ainda acrescentou: “Eu também tenho um soprador de folhas elétrico e um ancinho também. Estou querendo transformar isso em um negócio para que eu possa ter minha própria empresa”.

A primeira cliente

Já com a primeira cliente, Sarah Larrabee, o adolescente ganhou muitos elogios. “Ele é um garoto tão doce, tão educado e tão feliz por estar lá e animado por ter seu primeiro emprego”, contou a mulher.

Trabalhando apenas aos finais de semana e após a escola, em apenas 1 mês, Tyce já esteve em 16 casas e acumulou Us$ 400 (aproximadamente R$ 2 mil).

Depois de ver que conseguia ganhar uma boa grana com o novo negócio, Tyce pensou além e quer investir mais.

Agora em junho, o adolescente comemorou o recebimento da licença comercial da empresa. Agora, ele quer investir muito mais para no futuro se tornar um grande empresário do setor!

“Estou extremamente orgulhoso de Tyce”, disse Eric, o pai. “Ele é um bom garoto”, finalizou.

Tyce e Eric - Foto: arquivo pessoal

Tyce e Eric, pai e filho – Foto: arquivo pessoal

Tyce conseguiu a licença comercial para trabalhar - Foto: reprodução Facebook

Tyce conseguiu a licença comercial para trabalhar cortando grama – Foto: reprodução Facebook

Tyce e o irmão Tylee em um dos atendimentos - Foto: reprodução Facebook

Tyce e o irmão Tylee em um dos atendimentos – Foto: reprodução Facebook

Com informações de Today

Fonte: https://www.sonoticiaboa.com.br/2022/07/07/rapaz-adotado-corta-grama-ajudar-pai-pagar-processo-adocao

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.